Musica nas EstradasQuem é Anatasha MeckennaContatosProdutos


Música nas Estradas em Pedro Leopoldo – MG


A cidade de Pedro Leopoldo-MG, recebeu no mês de Novembro a Caravana Música nas Estradas, Projeto organizado pela cantora Anatasha Meckenna. A escolha da cidade onde nasceu e viveu nosso querido Chico Xavier, por 49 anos, segundo Anatasha Meckenna, foi uma intuição que fez toda a diferença nesta segunda edição do Projeto. Segundo a cantora: “No princípio, pensei juntamente com meu querido esposo em muitas possibilidades de destino para essa segunda edição da nossa jornada, mas a espiritualidade, sempre amiga, nos presenteou com esse destino eivado de emoção e acontecimentos que comprovam a presença dos benfeitores em trabalhos direcionados com o coração. Pude cantar em meio às árvores floridas, acompanhada por uma orquestra de pássaros que, resolveram em certo momento de nossa visita à Fazenda Modelo, cantar em coro a Ave Maria. Sim! A natureza cantou conosco! Cantou em nós! E aplaudimos com lágrimas de gratidão a Deus e exemplificados pela humildade do Amor de Chico Xavier”.

A proposta da Caravana, como muitos já sabem, é levar música para pequenas cidades brasileiras. Assim, a ideia é que a cada edição se visite uma nova cidade, que receba algumas apresentações, sempre gratuitas e em locais públicos, dando oportunidade a todos que desejem emergir nessa viagem musical. Não se trata apenas de um passeio, mas de um serviço ao próximo.

Ainda na estrada, em Juiz de Fora, a música se fez presente na primeira parada do ônibus. Após o jantar da Caravana Anatasha Meckenna cantou algumas canções, para os caravaneiros e para todos que estavam passando ou trabalhando no restaurante. Na chegada ao destino, o primeiro dia foi destinado a conhecer alguns pontos de interesse da cidade, com o objetivo de fazer o grupo se integrar ao local, de forma que o trabalho posterior seja facilitado.

Neste momento a Caravana visitou a Fazenda Modelo, local onde Chico trabalhou e psicografou no tempo que em que morou na cidade. O local guarda ainda muito da presença de seu mais conhecido trabalhador e a música, que também se fez presente nesta visita, parecia envolver e ser envolvida pelas memórias do lugar.

Em seguida, o grupo se dirigiu para uma das casas onde Chico Xavier morou. Foi a quarta e última residência de Chico na cidade e fica diariamente aberta para visitação. Lá se podem ver os mais de 400 livros psicografados, o quarto de Chico ainda preservado e até algumas peças de roupa. Contudo, o melhor de se visitar a casa é sentir a energia de Chico e escutar as muitas histórias que são contadas prazerosamente, sem pressa, no melhor jeito mineiro, pelo curador da casa Hélcio Marques.

Ainda no primeiro dia algumas atividades foram realizadas pelo grupo no hotel, como palestra e prática de yoga, além de uma oficina musical com Anatasha Meckenna. No segundo dia a Caravana foi mesmo ao povo, como é seu objetivo. O grupo saiu para visitar o Centro Espírita Luiz Gonzaga, local onde Chico nasceu, morou até os 5 anos e, mais tarde, fundou a instituição. Lá aconteceu a primeira apresentação pública na cidade, quando a Anatasha Meckenna cantou durante a distribuição de sopa, que é feita todos os sábados no local. Muita emoção envolveu o grupo, em sua maioria pessoas com grande dificuldade financeira, que pouco ou nenhum acesso possui a espetáculos de música ou qualquer outro gênero.

O mesmo se deu na parte da tarde, onde a Caravana esteve em outro local de distribuição de sopa e alimentos, o Centro Espírita Bezerra de Menezes, fundado sob a influência de Chico por amigos da cidade. De lá o ônibus que transportava o grupo ainda fez uma rápida parada na Praça Chico Xavier, no Centro da cidade, para uma foto do grupo ao lado da estátua do filho ilustre da cidade.

Na noite do segundo dia, a última atividade foi um show, para cerca de 120 pessoas, que ocorreu no Salão de Eventos Chico Xavier, localizado no hotel Tupyguá. O hotel foi um dos parceiros da Caravana e ficou responsável pelo show, oferecido para convidados da cidade e região.

No terceiro e último dia, antes do retorno ao Rio de Janeiro, a Caravana ainda esteve na Praça da Estação, onde Anatasha Meckenna realizou o último show do roteiro, durante a feira municipal de arte, artesanato e comidas típicas da cidade.

Desde crianças até idosos pararam e se encantaram com a boa música, vinda do coração e destinada ao coração de quem estiver disposto a receber. A Caravana agradece à cidade e a todos os amigos que fizeram mais esta edição acontecer.


Reportagem publicada no jornal Correio Espírita edição de janeiro de 2016



Musica nas Estradas rodape1Musica nas Estradas rodape2Musica nas Estradas rodape3